Você está aqui:  
Glossário
Abu Dhabi / ADCC Submission Wrestling World Championship – Evento que acontece de dois em dois anos e reúne os melhores lutadores especializados em lutas de chão do mundo.
Americana – Também conhecida como chave de braço, essa é uma finalização complexa normalmente obtida a partir de uma posição de controle. Uma Americana é realizada ao isolar o punho e antebraço e torcer o braço, colocando pressão no ombro.
Arm Drag – Movimento comum no wrestling amador, esse ato requer que o lutador use as duas mãos para controlar o punho ou tríceps do seu oponente e então puxá-lo para si para ganhar controle do seu lado ou costas.
Arm Throw – A ideia é ganhar o controle do braço do seu oponente e usá-lo para puxar o resto do corpo para o seu centro de gravidade e derrubá-lo.
Ankle Pick – Variação da derrubada com apenas uma perna, normalmente encontrada no wrestling. Para conseguir um ankle pick, o lutador agarra e levanta os tornozelos do oponente para fora do chão.
Árbitro – Funcionário nomeado pela Comissão Atlética e alguém completamente responsável por garantir que as regras da luta sem cumpridas e que a segurança dos atletas seja fundamental.
Arremesso – O ato de tirar o oponente do chão e jogá-lo no ar com amplitude.
Americana no pé – Uma chave de pé que envolve uma mão segurando a ponta do pé e dedos, enquanto a outra agarra o punho da mão que ataca, posicionando o antebraço na panturrilha do oponente para criar pressão deslocando o pé e o tornozelo.
Bodylock – Mais conhecido como ‘abraço do urso’. De uma posição superior, os braços do lutador envolvem o tronco do seu oponente e se conectam do outro lado para preparar uma derrubada.
Boxe – Esporte de combate e forma de golpes onde apenas os punhos são usados para golpear a cabeça e o tronco do oponente
Brazilian Jiu Jitsu – Desenvolvida no Brasil pela família Gracie no começo de 1900, esta arte marcial tem ênfase no jogo de chão, finalizações e no conceito de alavancas. Baseada na arte original do Jiu Jitsu no Japão.
Baiana/Double Leg – Uma das derrubadas mais populares do wrestling. Para completar esse golpe, o lutador deve suspender as pernas do seu oponente com um passo. O ombro deve ir direto no corpo do adversário, tirando seu centro de gravidade e criando uma perda de equilíbrio. Assim que esse golpe for iniciado, o lutador então usará seus braços e posição para ir em frente, impedindo seu adversário de recuperar o equilíbrio e finalizando a queda.
Bater em desistência – O ato do competidor em mostrar ao árbitro, dando três tapas no chão ou no oponente, que ele desistiu da luta.
Chave de tornozelo – A finalização acontece quando a articulação do tornozelo é atacada e super extendida.
Chave de Braço – Finalização comum que consiste no braço do oponente ser colocado entre as coxas do lutador antes de ser esticado até o cotovelo de maneira perpendicular, forçando a finalização.
Cadeado – O ato de controlar o corpo do oponente colocando as pernas ao redor do tronco. O tornozelo segura o corpo enquanto colocado embaixo do joelho, criando um formato de triangulo.
Combate – Nome alternativo para uma luta.
Catch Wrestling – Amálgama de estilos de luta como Greco-Romana, Wrestling e Catch-as-Catch-Can originadas na Inglaterra durante 1800.
Clinche – Quando dois competidores se encontram e se seguram na tentativa de exercer sua força física e ganhar controle da luta.
Cornerman – Também conhecido como ‘corner’/segundo. Fonte de suporte e conselho para o lutador durante o embate, seja um treinador, assistente ou médico.
Cruzado – Lançado a partir de uma postura reta e ortodoxa, o cruzado é um soco realizado com a mão de trás que percorre uma trajetória em curva até o alvo.
Crucifixo – Manobra com ênfase no controle do chão. Para realizar um crucifixo, o lutador irá esticar e isolar os membros do adversário com seus braços e pernas. Uma vez que o oponente não consegue se proteger, o lutador estará livre para encerrar a luta sem resistência.
Camp – Intenso periodo de treinamento, que normalmente dura de oito a dez semanas antes de uma luta. É durante o campo de treinamento que treinadores e parceiros de ‘sparring’ ajudam o competidor a se preparar para a luta.
Chute Frontal – Chute linear realizando elevando o joelho de forma reta, esticando a pena e disparando o golpe em um alvo.
Chave de cancanhar – Considerado uma das finalizações mais perigosas do esporte, esse movimento requer que o lutador imobilize uma das pernas do seu adversário e depois coloque o antebraço dele na lateral do calcanhar para torcê-lo e forçar a finalização.
Chave de juntas – Isso descreve qualquer técnica utilizada para fazer uma determinada articulação sofrer um movimento não-natural, causando dor, desconforto, lesão e, potencialmente, uma submissão.
Chave de joelho reta – Essa submissão é conquistada quando o joelho do oponente é preso pelo lutador, que então pressiona os ligamentos por trás do joelho para que seu adversário bata e interrompa a luta.
Chave de perna – Um termo geral para o ato de isolar a perna de um oponente e executar qualquer uma das possíveis submissões.
Cervical – Submissão no chão que envolve o lutador aplicando força sobre o pescoço do oponente para criar dor e desconforto, forçando o golpe.
Clinche de Muay thai – É uma tecnica muito usada no Muay Thai, onde a mão do lutador agarra o pescoço do oponente e o antebraço percorre o tórax. A outra mão também pode atacar o outro lado do pescoço do oponente, fechando as mão, controlando o movimento e disparando joelhadas.
Categorias – Divisões que separam atletas de Artes Marciais Mistas de acordo com o peso para competição.
D’arce Choke – Estrangulamento nomeado a partir do lutador Joe D’Arce, que costumava utilizar a técnica em competições. Também é conhecido como Brabo. Essa é um golpe que requer que o lutador tenha seu braço puxado pela axila do adversário e ao longo do seu pescoço antes de agarrar o bíceps do outro braço, formando uma conexão e o estrangulamento.
Decisão – Se uma luta vai até o seu final, a decisão será feita pelos três juízes. Os pontos serão contados e será declarado o vencedor da luta.
Dirty Boxing – Quando dois oponentes se envolvem em uma batalha em pé e escolhem segurar e controlar seu adversário com apenas uma mão enquanto disparam golpes com a outra, normalmente ganchos e cruzados.
Desqualificação – Derrota causada quando um lutador, normalmente, infringe as regras.
Duck Under – Manobra comum do wrestling realizada em pé ou em uma posição de clinch. A ideia é ganhar uma posição vantajosa sobre o oponente ao colocar a sua cabeça embaixo do cotovelo/tríceps e se mover para o lado ou para trás.
Estrangulamento – Termo genérico utilizado para explicar a restrição de sangue para o cérebro ou oxigênio para os pulmões como resultado da pressão aplicada sobre o pescoço do lutador.
Empate majoritário – Decisão proferida quando dois dos três juízes decidem o resultado de uma luta após sua conclusão.
Estrangulamento Norte-Sul – Uma submissão com estrangulamento obtida quando um lutador está em cima e peito com peito com seu oponente, mas posicionado em direção oposta. O lutador então envolve um dos braços ao redor do pescoço do seu oponente antes de apertá-lo para gerar a submissão.
Fireman's Carry – Uma queda do wrestling realizada a partir de uma posição de igualdade. Para completar o movimento, o lutador segura o braço do seu oponente e se ajoelha enquanto usa seu outro braço para golpear as pernas do adversário. Depois disso, puxa o oponente sobre seus ombros e o joga no chão.
Folkstyle Wrestling – Estilo de wrestling amador praticado nos Estados Unidos e predominante nas faculdades.
Falta – Manobra ou conduta illegal de um lutador durante uma luta.
Finalização – O ato de utilizar técnica de luta para forçar um oponente a abandonar a luta, seja nos três tapas ou outra forma.
Guard borboleta – Variação da guarda tradicional onde ambas as pernas são presas entre as pernas do oponente, depois mantendo o adversário dentro das coxas do lutador com as suas costas no chão.
Guarda De La Riva – Uma variação da guarda e popularizada pelo faixa preta de Jiu Jitsu Ricardo De La Riva. Para utilizar essa guarda, uma perna deve ser presa por fora atrás das pernas do oponente, enquanto o lutador que iniciou o golpe controla o tornozelo com uma mão do mesmo lado. A outra mão segura a manga do oponente.
Gogoplata – Estrangulamento complicado feito a partir da guarda que envolve um lutador usando braços e pernas para apertar o pescoço do oponente.
Gracie – Família pioneira no mundo da luta e responsável pela criação do Jiu Jitsu Brasileiro.
Grapevine – O conceito de usar as pernas e entrelaçá-las com as do adversário de forma a manter o controle da luta no chão.
Grappling – Termo geral que cobre técnicas e disciplinas utilizadas para conquistas uma vantagem sobre um oponente sem utilizar golpes.
Greco-Roman Wrestling – Um dos dois estilos de wrestling amador olímpico que proíbe golpes abaixo da cintura e privilegia derrubadas.
Ground and Pound – Tática originalmente utilizada por wrestlers consiste em levar o oponente ao chão e golpeá-lo em uma posição firme.
Guarda – 1. Posição do Jiu Jitsu que requer um lutador deitado com as suas costas no chão, controlando os movimentos do oponente e mantendo-o preso entre as suas pernas. Existem muitas variações dessa posição. 2. Termo do boxe que descreve o ato de manter ambas as mãos protegendo o rosto.
Guilhotina – Uma das finalizações mais comuns e populares, esse movimento é utilizado, algumas vezes, na posição em pé, mas mais frequentemente a partir da guarda. Ele requer que o lutador segure o pescoço inclinado do seu adversário em uma posição frontal e depois aperte firmemente o punho até forçar uma finalização.
Gancho – 1. Um soco com a mão da frente de forma circular em posição de pé. 2. Quando um lutador em uma situação clinch coloca seu braço embaixo do braço do oponente e tenta agarrar ombro ou costas para ganhar o controle da luta. Ganchos duplos permitem um maior controle do golpe. Obter um gancho estando no chão permite ao lutador levantar com mais facilidade.
Gravata peruana – Variação no estrangulamento frontal (guilhotina), esse movimento requer que o lutador fique rapidamente de pé, se abaixe e se sente antes de jogar suas pernas para cima e nas costas do seu oponente.
Guarda-X – Uma variação de guarda aberta, aqui é quando o lutador em posição de desvantagem no chão ataca a perna do adversário que está em pé com as próprias pernas, criando um 'emaranhado' e abrindo espaço para uma submissão.
Haymaker – Um golpe perigoso e que altera o curso das lutas.
Head e Arm Throw – Golpe do wrestling amador que requer que o lutador use a cabeça e um dos braços do seu oponente para jogá-lo de costas no chão.
Hip Toss / Arremesso de Cintura – Um golpe comum do wrestling amador que é realizado quando o lutador segura um dos braços do oponente e desliza o seu outro braço em volta das costas/cintura do adversário. O lutador então se vira e levanta o oponente contra as suas costas e direto no chão.

Não há entradas no glossário para I.

Jab – Golpe fundamental no boxe, consiste em golpear com a mão da frente em uma trajetória reta.
Jurado – Um dos três juízes neutros selecionados pela Comissão Atlética para pontuar e decidir o resultado final de uma luta que vai até o final.
Judô – Arte marcial e esporte criado no Japão por Kano Jigoro no final de 1800. Judo é um esporte olímpico que permite trabalho de chão e submissões e é conhecido por suas técnicas.
Katagatame – Finalização que acontece quando o lutador é estrangulado com o próprio braço de um lado e o do oponente do outro lado do seu pescoço.
Karatê – Arte marcial desenvolvida no Japão e repleta de variações, baseada em técnicas de ataque com as mãos e pés.
Kickboxing – Termo genérico para um esporte e estilo de golpes que utilizam técnica de mão e pé. Algumas formas e estilos de kickboxing incluem a utilização de joelhadas e cotoveladas também.
Kimura – Finalização similar a chave de braço e nomeado por conta do judoca japonês Masahiko Kimura, esse movimento ocorre quando o braço do oponente é isolado e pressionado contra suas costas, colocando uma grande pressão no seu ombro.
Knee Tap – Uma queda de wrestling que requer que o lutador coloque uma mão na parte de fora do joelho do oponente para evitar qualquer movimento, enquanto se dirigem para essa mesma direção.
Kung Fu – Termo generico que se refere às Artes Marciais Chinesas.

Não há entradas no glossário para L.

Meia-guarda – Posição comum no Jiu Jitsu utilizada quando a guarda completa não é possível. Se um lutador no chão não consegue obter o controle total da luta através da guarda, eles vão tentar prender apenas uma das das pernas do oponente entre as suas para completar a meia guarda.
Marteladas – O ato de um lutador atacar usando o lado do punho fechado para derrubar o oponente no chão.
Mudando de níveis – Quando um lutador move seu quadril de cima para baixo, indo até a altura da cintura ou pernas do adversário, com o objetivo de ter uma reação defensiva ou uma chance de queda.
Montada – Uma posição dominante de ataque que permite que o lutador domine o tronco do oponente a partir do topo e desfrute de um grande senso de controle.
Muay Thai – Uma arte que mistura kickboxing e ataques, o Muay-Thai, esporte nacional da Thailândia, utiliza golpes com mão, pé, joelho e cotovelo em pé.
Mata-leão – Estrangulamento comum aplicado quando um lutador segura as costas do seu oponente e usa essa posição vantajosa para aplicar um estrangulamento no ponto cego do adversário. Para finalizar o estrangulamento, o lutador muitas vezes usa as pernas do oponente ou um triangulo para reduzir as chances de perder a posição.
Meio-médio – Categoria onde os competidores pesam entre 156 libras (70.7 kg) e 170 libras (77.1 kg).
Nocaute – Golpe que leva o adversário a não conseguir continuar a luta e resulta uma conclusão prematura do embate.
No Contest – A resolução de uma luta que acabou de forma prematura por conta de circunstâncias imprevistas, sem vencedor no final. Um impasse.
Nocaute Técnico – Um termo utilizado para descrever a razão para o fim da luta, seja porque um árbitro, lutador ou médico determinou quem um dos oponentes é incapaz de continuar a luta em segurança.
Orelha de couve-flor – A calcificação da orelha causada pelo contato repetitivo durante a luta.
Octagon – A estrutura gradeada de oito lados desenvolvida especialmente para as lutas do UFC, também conhecida como octógono.
Omoplata – Uma submissão que requer que o lutador use suas pernas para isolar o braço do oponente e aplique pressão sobre o ombro. É mais obtida quando utilizando a posição de guarda.
Overhand Right/Left – Um soco em forma de arco e curvado com a mão de trás.
Overhook – Também conhecido como ‘whizzer’, um gancho é utilizado em uma situação onde os oponentes estão em pé, se segurando, e um dos dois pega o braço do adversário e enterra a sua mão sobre o seu peito ou costela e se mexe, de forma que ambos os troncos virem para a mesma direção.
Over-Under Position – Uma situação muito comum onde ambos os lutadores têm um braço em volta do corpo do oponente e o outro braço sobre o braço do adversário, às vezes apertando as mão em torno das costas para criar uma situação de golpe.
Pegada Gable – Nomeado a partir do legendário treinador de wrestling Dan Gable, esse movimento enfatiza palma com palma com os polegares para o lado e não entrelaçados.
Peso pesado – Categoria onde os competidores pesam de 206 libras (93.4 kg) até 265 libras (129.2 kg).
Peso meio-pesado – Categoria onde os competidores pesam de 186 libras (84.3 kg) até 205 libras (92.9 kg).
Peso leve – Categoria onde os competidores pesam de 146 libras (66.2 kg) até 155 libras (70.3 kg).
Peso médio – Categoria onde os competidores pesam de 171 libras (77,5 lg) até 185 libras (83,9 kg).
Pankration – Antigo estilo e competição olímpica gregos que reúnem algumas das mesmas técnicas e métodos as Artes Marciais Mistas de hoje.
Postura – Capacidade de manter o tronco perpendicular ao chão, especialmente útil quando se procura evitar estrangulamentos na guarda do adversário.
Puxar para a guarda – Se um lutador é incapaz de levar o seu adversário ao chão através das quedas, ele irá segurar o oponente e puxá-lo para enrolar suas pernas ao redor do seu trondo, iniciando uma guarda completa e depois procurando uma submissão ou uma posição no chão.
Quimono – Termo japonês para o uniforme de treinamento utilizado por tradicionais expoentes das Artes Marciais Mistas como karate e judô. Também conhecido como GI.
Queda Single Leg – Um dos ‘takedowns’ mais comuns no wrestling, ele acontece quando o lutador agarra a perna do adversário com as duas mãos e as leva ao chão. Existem muitas variações dessa técnica particular.
Queda – Qualquer caminho pelo qual um lutador pode levar o seu adversário ao chão com uma manobra de luta.
Round – Período de cinco minutos onde dois lutadores competem de acordo com as regras da MMA. Lutas por título consistem em cinco rounds e lutas que não possuem disputa de título têm três rounds.
Raspagem – Em uma situação de luta, esse é o processo de manobra de uma posição desvantajosa para uma vantajosa sobre o adversário.
Regras unificadas – Conjunto de regras reconhecidas mundialmente por comissões atléticas como padrão para os atletas de Artes Marciais Mistas.
Soco Contragolpe – Quando um lutador evita ou bloqueia um golpe e imediatamente retorna com um soco.
Sambo – Uma arte marcial russa relativamente moderna que mistura artes de submissão e wrestling amador. Os torneios de Sambo reúnem técnicas e golpes.
Sanda – Também conhecido como ‘San Shou’, esse é um esporte moderno, similar ao kickboxing, praticado na China. Os ataques são disparados até que um dos competidores toque no chão. O esporte também incorpora uma plataforma elevada e os pontos são marcados de acordo com as vezes que o lutador tira o seu oponente da área de competição.
Shrimping – Técnica utilizada por um lutador irá olhar para o seu lado, puxar o joelho até o peito e garantir uma posição de meia-guarda.
Side Control – Algumas vezes descrito como ‘side mount’ ou ‘cross mount’, essa é uma posição que colocar o lutador em cima do torso do seu oponente e perpendicular às suas costas.
Sit-Out – Técnica de luta muito comum no ‘folkstyle’ wrestling, esse movimento ocorre quando um lutador pega as costas do seu oponente em uma posição sentada ou em pé, apenas para a posição ser revertida quando o lutador em desvantagem alcança o espaço entre as pernas do seu oponente para agarrar o joelho e trocar de posição.
South Pole – Um termo usado para descrever um competidor que luta com a mão e o pé direitos para frente e dispara um jab com a mão direita.
Sprawl – Uma técnica de defesa utilizada para evitar ser levado ao chão. O lutador joga suas pernas para trás e direciona seu peso para a parte superior do seu oponente.
Sprawl e Luta – Termo utilizado para descrever um lutador que evita ir ao chão e gostar de lutar de pé e atacar.
Superman Punch – Um ataque elaborado que começa com um chute falso que é seguido imediatamente de um soco. A dinâmica criada leva o corpo do lutador para frente, cobrindo a distância rapidamente.
Suplê – Um golpe amador de wrestling normalmente obtido através de uma posição de chave de corpo nas costas do oponente. O agressor usar a chave de corpo para levantar o seu adversário para cima e para trás para que ele caia em seu ombro.
Triângulo de mão – Para executar esse golpe, o braço é puxado pelo pescoço e abaixo da axila antes de ser preso no braço, impedindo o sangue de circular em ambos os lados do pescoço do oponente
Trabalho de pernas – Nas artes de luta, jogo de pé é o termo utilizado para descrever a habilidade do lutador de manter o equilíbrio e controle durante um movimento.
Tae Kwon Do – Arte marcial coreana que enfatiza a flexibilidade e os chutes altos.
TKO – A abreviação de nocaute técnico.
Triângulo – Uma submissão onde o lutador usa suas próprias pernas para isolar e apertar o pescoço e um dos braços do oponente. Normalmente realizada a partir da posição de guarda.
Turtle – O ato de prender cotovelos e joelhos no chão de forma a prevenir que o oponente acerte seus ganchos.
Uppercut – Um soco forte disparado de forma circular, vindo de baixo e mirando o queixo do oponente. É especialmente útil contra um oponente que se abaixa muito ou alguém baixo.

Não há entradas no glossário para V.

Wrestling estilo livre – Um dos dois estilos de wrestling amador olímpico.
Whizzer – Também conhecido como um overhook, esse movimento é feito em uma posição de clinche colocando um braço sobre o braço do oponente e enterrando a mão em seu peito ou costela. O oponente então irá para fora, então ambos os torsos ficarão de frente para o outro.
Wrestling – O termo genérico usado para qualquer uma das disciplinas de grappling que não necessariamente incorporam submissões.

Não há entradas no glossário para X.


Não há entradas no glossário para Y.


Não há entradas no glossário para Z.