Thomson diz que esta é sua luta pelo título

"Preciso saber que fiz tudo que podia para quando chegar a noite da luta, estar pronto para fazer um bom show."." - Josh Thomson
Peso leve do UFC - Josh ThomsonO ex-campeão  peso leve do Strikeforce, Josh "The Punk" Thomson diz que enfrentar Benson Henderson no dia 25 de janeiro na luta principal do UFC Fight Night no United Center em Chicago pode muito bem ser como uma disputa de título.

"Para mim, é a mesma coisa", diz Thomson. "Eu achei que Benson ia vencer Pettis, então para mim, achava que estaria lutando pelo cinturão. Está é a minha mentalidade, para mim é como uma luta pelo título."

Assine o Combate e assista o UFC Fight Night ao vivo no sábado

Thomson estava agendado para lutar pelo cinturão contra o recém coroado campeão Anthony Pettis, que finalizou Henderson com uma chave de braço em agosto, até uma lesão no joelho o forçar a ficar de afastado enquanto se recupera.

Porém Thomson diz que lutar com Henderson tem um pequeno lado bom.

"Ele é um oponente muito perigoso, e aceitei essa luta porque é Ben Henderson. Quer dizer, quem mais eu gostaria de lutar? Por anos as pessoas queriam me ver lutando com Gil Melendez, ou Henderson, Pettis, e agora estamos todos na melhor organização do mundo juntos, vamos fazer isso. Não me importo em dar show. É isto." Ele disse.

Aos 35 anos, Thomson já viu de tudo neste esporte. Fez sua primeira luta profissional em 2001, lutou e venceu os melhores leves nos últimos 13 anos.  E é também um dos astros fundadores do Strikeforce, que foi adquirido pelo UFC em março de 2011.

"Sinto que estou aqui desde o começo", ele disse. "Lutei com alguns dos melhores do mundo, e treino com os melhores do mundo, caras como Frankie Edgar e BJ Penn. Me importo em fazer bons shows, e dar aos fãs o que eles querem. Estou chegando ao fim da minha carreira, e como Chris Lytle fez quando estava prestes a se aposentar, somente quero lutas com caras ou eu quero lutar, ou os fãs querem."

Treinando na American Kickboxing Academy ao lado de Cain Velasquez, Thomson está em uma trajetória onde pode se tornar o campeão vindo de San José, Califórnia. E enquanto talvez o treinador Javier Mendez goste de como isso soa, Thomson não acha que isso seja tão importante.

"Não coloco esse tipo de pressão sobre mim mesmo", ele disse. "Meu trabalho é treinar muito. Se eu fizer isto e perder, não considero isso como fracasso. Talvez tenha que aprender técnicas novas, mas dar meu melhor é só o que posso fazer. Não preciso de um título, preciso saber que fiz tudo que podia para quando chegar a noite da luta, estar pronto para fazer um bom show."

Sábado, Abril 26
11PM
BRST
Baltimore, MD

Media

Recente
Naquele que muitos consideraram o maior duelo meio-pesado ​​de todos os tempos, Jon Jones conseguiu levar a melhor sobre Alexander Gustafsson em 3 dos 5 rounds e manter seu cinturão de campeão. Veja os bastidores e a histórica luta por ângulos inéditos.
22/04/2014
Watch the ticket on-sale press conference for UFC 174: Johnson vs. Bagautinov, live Tuesday, April 22nd at 6pm BRT.
21/04/2014
Max Holloway voltaba vencer após derrotas seguidas ao liquidar o gigante peso pena Will Chope. Holloway volta a luta no UFC 172 contra Andre Fili (Team Alpha Male) no sábado, dia 26 de abril.
18/04/2014
Jon Jones aplica uma perfeita cotovelada rodada em Stephan Bonnar que fez matchmaker Joe Silva pular da cadeira nesta edição da técnica da semana.
21/04/2014